Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Inocênte de Quê?

"É relativamente fácil suportar a injustiça. O mais difícil é suportar a Justiça" - Henry Menchen

"É relativamente fácil suportar a injustiça. O mais difícil é suportar a Justiça" - Henry Menchen

Inocênte de Quê?

23
Abr22

177 - Considerações 7

António Dias

Tribunal 2.jpg

177

Foi um julgamento em que o juíz permitiu que o advogado da Assistente fosse demagogo, tivesse reacções verbais proclamatórias, excessivas e ruidosas, sem daí haver consequências, mas não se podia pedir mais a um juiz que violou a imparcialidade e a presunção de inocência do arguido, que conduziu um julgamento desorientado e avulso, com surpresas surreais, representando assim uma justiça que não guardou razão de ser na prestação de serviço público, mas pretendeu unicamente a submissão ao seu poder. É por isso que todos sabem que numa sala de tribunal nunca há garantias, todos os dias acontecem coisas nestas salas onde permanece a arquitetura igual ao dos antigos tribunais nacional-socialistas. O MP é uma entidade insindicável e jurisdicionalmente incontrolável, que sabe que pode fazer o que mais lhe convém na fase de inquérito, porque só está sujeita ao juiz na fase seguinte. Raramente, ou nunca, se repara uma injustiça, e a presunção de inocência é o princípio basilar de todo o Direito.

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2021
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2020
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2019
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2018
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub